quarta-feira, 12 de maio de 2010

FALHAS DE MERCADO E FALHAS DE GOVERNO

Pois bem, e agora veio a crise economica reflexo do estado gastador e não do mercado.

Onde está a imprensa? Que silêncio...

Em 2008, era a crise do "neo-liberalismo, do capitalismo, do mercado, da falta de regulação".

Já relativizamos esta leitura ideologizada e panfletária da grande mídia e do meio acadêmico "dominante".

Mas falta problematizar a crise dos PIIGS. Estados gordos, obesos, irreais...

Ver a população protestando nas ruas da Grécia é uma cena patética para aquele que foi o berço da civilização ocidental (eu sei, os asiáticos não tem nada a ver com isso).

Mas os gregos não eram bom de economia. Aristóteles queria submeter a Economia à Política.

E continuam não sendo.

Como protestar contra a realidade orçamentária?

Faça justiça ainda que pereça o mundo?

É muito difícil protestar contra fatos...

Quem quer organizar um protesto contra o frio que se avizinha no inverno gaúcho?

E que tal os islandeses reclamarem e protestarem contra o vulcão?

Nenhum comentário: